18/02/22 | 7:00 PM
Prefeitura forma brigada de combate ao caramujo africano

A Prefeitura de Manaus formou, nesta sexta-feira, 18/2, mais uma brigada de combate ao caramujo africano (Achatina fulica). A ação, orientada pelo prefeito David Almeida e coordenada pela Divisão de Educação Ambiental (Diea) da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), ocorreu na rua 13, do bairro Alvorada 3, zona Centro-Oeste. A próxima oficina vai ocorrer no bairro de Petrópolis, zona Sul de Manaus.

Combater a proliferação do caramujo africano nos bairros de Manaus é o objetivo dessas formações, que fazem parte da programação do projeto “Semmas Mais”, conforme o chefe do Diea, Raimundo Araújo.

“Essa é uma estratégia que a prefeitura tem encontrado, por meio da Semmas, de fazer o combate ao caramujo. Neste período chuvoso, esses moluscos ficam muito ativos. E é importante ressaltar que eles são vetores de duas doenças, a hepatite e a meningite. A população foi orientada a manter seus quintais limpos, manter suas calçadas limpas, também porque essa proliferação do caramujo africano ocorre em meio a esses resíduos”, informou Araújo.

Ainda segundo ele, a formação de brigadas, coordenadas pela Semmas, já está em sua 16ª edição, que no total já formou mais de 800 brigadistas pela cidade. Além da formação de brigada, a ação contou ainda com o plantio de mudas de várias espécies e a doação de mudas para os participantes da formação.

Solicitação

De acordo com o titular da Semmas, Antonio Ademir Stroski, a oficina realizada nesta sexta-feira, é fruto de um pedido da comunidade. O objetivo é levar a ação a todas as zonas da cidade.

“Os representantes da comunidade vieram até a secretaria e pediram que incluíssemos o bairro no roteiro de nossas ações e isso foi atendido prontamente. Além do mais, o objetivo da Semmas é levar essa oficina a todas as zonas da cidade”, pontuou.

— — —

Texto – Keynes Breves/Semmas

Foto – Divulgação/Semmas