10/02/21 | 10:41 AM
Semmas inicia diagnóstico dos parques municipais de Manaus para implementar ações ambientais de 2021

A prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), inicia diagnóstico dos parques municipais da cidade, com intuito de efetivar e realizar ações para aproximar a população desses espaços públicos, valorizando-os.

O trabalho iniciou nesta terça-feira (09/02), quando a equipe da Semmas visitou três parques municipais e mais o Viveiro Municipal de Manaus, que funciona no Instituto Federal do Amazonas (Ifam), zona leste da cidade.

De acordo com o titular da Semmas, Antonio Ademir Stroski, o propósito é diagnosticar a real situação desses espaços públicos, para assim iniciar as ações programadas para 2021.

“A revitalização dos parques e das unidades de conservação municipais é inadiável. Com isso estamos dando mais uma contribuição essencial para a efetiva gestão ambiental da nossa cidade, e afinados com o propósito de melhorar a qualidade de vida dos manauaras”.

A primeira parada foi no Parque Nascentes do Mindu, localizado no bairro Cidade de Deus, zona leste de Manaus. O local possui 16 hectares e tem uma vasta flora com espécies nativas, além de uma fauna rica, com a presença de animais silvestres como sauins-de-coleira, macacos-de-cheiro, tucanos, saracuras, corujas, gaviões e pequenos roedores.

“Esse parque tem uma importância desafiadora para nossa cidade, pois é aqui que estão localizadas as três principais nascentes do Igarapé do Mindu. Nesta semana já vamos fazer uma intervenção para começar o trabalho de revitalização desse parque”, informou o secretário.

Outro parque visitado pela equipe da Semmas foi o Sauim Castanheiras, localizado na Alameda Cosme Ferreira, Distrito Industrial II, zona leste de Manaus. “Esse parque também precisa de uma ação urgente, por isso estamos aqui. A população precisa voltar ou conhecer esse local, que é tão belo, mas foi depredado ao longo dos últimos anos”, lamentou Stroski. E a terceira visita foi ao Parque Lagoa Senador Arthur Virgílio Filho, no Japiim, zona sul da cidade.

Viveiro – Na programação deste primeiro dia de visitas aos parques municipais da cidade, a equipe também aproveitou para ir até o Viveiro Municipal de Manaus. “Temos uma meta de distribuição de mudas, este ano, bem arrojada. Mas para isso temos que conhecer a atual estrutura do viveiro”, disse o titular da Semmas. O trabalho de diagnóstico dos parques públicos vai continuar ao longo das próximas semanas, cujas ações estão no contexto do programa de governo do prefeito David Almeida para a gestão ambiental de Manaus.